Destaques

Marc Chagall

Marc_Chagall
Pintor, gravador e vitralista, Marc Chagall, nasceu em 7 de julho de 1887 em uma família pobre, de dez filhos. Iniciou-se na pintura no ateliê de um retratista das pessoas notáveis de sua cidade natal, Vitebsk.
Chagall estudou na Academia de Arte de São Petersburgo. Seguindo para Paris em 1910, ligou-se aos poetas Blaise Cendrars, Max Jacob e Apollinaire - e aos pintores Delaunay, Modigliani e La Fresnay.
Marc Chagall trabalhou intensamente para integrar o seu mundo de reminiscências e fantasias na linguagem moderna derivada do fauvismo e do cubismo. Apollinaire escolheu as telas de Chagall para a exposição que realizou em 1914, em Berlim, na galeria Der Sturm. Essa exposição teve grande influência sobre o expressionismo de pós-guerra.
De volta à Rússia, quando explode a Primeira Guerra Mundial, Chagall é mobilizado, mas permanece em São Petersburgo. Em 1915, casa-se com Bella, que conhecera em sua cidade natal e de quem pintara o retrato antes de partir para a Europa.
Quando irrompe a Revolução de 1917, Chagall é nomeado comissário de belas artes do governo de Vitebsk. Funda uma escola aberta a todas as tendências, mas entra em conflito com Kasimir Malevitch e se demite. Pinta murais para a sala e o foyer do teatro judeu de Moscou.
No âmbito da arte contemporânea, marcada pelo formalismo e a abstração, a pintura de Chagall se destaca pela importância que tem nela o elemento temático, de fundo onírico, que, por sua vez, reflete as profundas raízes afetivas e culturais do artista. Sua obra, moderna, assimilou todas as conquistas formais da arte contemporânea.

AddThis Social Bookmark Button